Empresa
Contato
0800

Empresa

Após quatro anos sem poder fabricar equipamentos de ar condicionado, Márcio Tosi decide entrar no ramo de soluções para aquecimento, fabricando trocadores de calor para piscinas. Nasce assim a Jelly Fish, terceira empresa do Grupo Tosi, no ano de 2000. Com foco específico, a Jelly Fish inicia suas atividades com apenas um modelo de trocador de calor, cujos componentes eram adquiridos no mercado externo. Mas isso foi por pouco tempo. Algumas pesquisas depois fizeram com que o Grupo Tosi adquirisse dos EUA novas tecnologias, dando início à fabricação de componentes como condensadores e gabinetes externos. Um primeiro e importante passo na conquista do mercado. Com a tradição de Tosi em buscar excelência tecnológica, a Jelly Fish segue em pesquisas mais avançadas.

Fachada Jelly Fish

O resultado foi, em apenas três anos, a ampliação de sua linha:

• Linha Premium – Bombas de calor para piscinas residenciais com automação de bomba de filtragem e controlador multifunções.

Após o sucesso do lançamento destas três linhas e sempre na busca pela excelência, a Jelly Fish desenvolve um laboratório exclusivo para testar seus trocadores de calor e sistemas híbridos combinados com trocadores.

Primeiro e único em todo o Hemisfério Sul, o laboratório Jelly Fish mantém em seus ambientes específicos testes para sensores e softwares que controlam a temperatura ambiente, umidade relativa do ar, temperatura de entrada e saída de água, pressões do sistema de refrigeração, apresentando gráficos e relatórios com a performance do equipamento na situação criada. Isso possibilita dimensionamentos seguros, viabilizando o constante aperfeiçoamento de seus produtos.

Soluções térmicas para aquecimento de água

Todo esse avanço proporciona à Jelly Fish grande repercussão no mercado de aquecimento,levando à criação de mais uma linha de trocadores de calor: Hot 55/70. Focada para água de consumo e utilizando componentes de alta eficiência, a linha Hot 55/70 produz água quente que atinge até 70 ºC, reduzindo significativamente os custos.

Fábrica Jelly Fish

Ecologicamente corretos, os equipamentos Jelly Fish proporcionam a redução da queima de combustíveis fósseis, utilizados em sistemas de grande porte, como em academias, hotéis, motéis e grandes residências. Com know-how cada vez maior, a Jelly Fish desenvolve equipamentos que possuem interface com sistemas de aquecimento solar, a diesel e elétrico, utilizados como apoio.

Fábrica Jelly FishDepois de sete anos de atividade e quatro linhas consolidadas no mercado, a Jelly Fish inova mais uma vez: produz coletores solares para banho e reservatórios térmicos para armazenamento de água, que conquistam o selo Procel de Eficiência Energética – classificação A, junto ao Inmetro e o IPT. Com o aproveitamento da energia solar, cresce a linha de equipamentos, surgindo o Solar Flex (solar termodinâmico) e o Hot Acoplado, ambos com a função de aquecer a água para consumo sob qualquer condição climática (dia/noite/chuva/sol).

Recentemente com a aquisição de maquinário para produção dos coletores solares para piscina Hot Pool, José Daniel Tosi declara: “Tudo começou com a fabricação de equipamentos cujo know-how era de refrigeração, depois investimos no setor de aquecimento solar de banho, adquirindo outro tipo de know-how e agora, complementamos nossa atuação no setor de aquecimento solar de piscinas, com equipamentos produzidos totalmente em plástico, fato que nunca passou pela minha cabeça!”

Sustentabilidade

Desde sua fundação, há 13 anos, todos os produtos da Jelly Fish são concebidos no tripé: inovação, desempenho e sustentabilidade, garantindo ao consumidor produtos de qualidade e sistemas com a máxima performance. A partir de 2011 a Jelly Fish passa a operar em um galpão de 6000 m² de área, ocupado anteriormente pela produção da Codex Tosi, instalado no Parque Industrial do Grupo Tosi.

Fábrica sustentável

Mantendo o padrão de qualidade das Indústrias Tosi, a Jelly Fish, que soma 90 colaboradores, investiu em equipamentos com tecnologia de ponta, para duplicar sua capacidade produtiva, podendo até ser triplicada, garantindo a performance de sempre. Isso faz com que o crescimento da empresa, seja ascendente e a explicação para isso é o foco da Jelly Fish em aplicações que garantam otimização de recursos ou em programas de eficiência energética como o Minha Casa Minha Vida através do projeto de aquecimento solar aplicado em grande escala em habitações de interesse social. Após a implantação das soluções Jelly Fish, a energia solar passou a ser a principal fonte energética, ficando a energia elétrica como eventual complemento.

E, por sua vez, os Coletores Solares para banho agora são apresentados de forma única no Brasil, com tecnologia alemã de pintura 100% seletiva e produzidos com vidro temperado, fazendo-os mais resistentes a baixas temperaturas e as intempéries da natureza como chuva de granizo, por exemplo. Já os Coletores Solares para piscina ganharam espaço na nova planta, e agora são produzidos em sua totalidade. Outro destaque são os Reservatórios Térmicos de Grandes Volumes (RTGV), cujo diferencial é a capacidade para armazenar grandes volumes, entre 1.500 a 6. 000 litros d’água.

Todo esse investimento em equipamentos, serviços e tecnologia vai ao encontro do potencial da Jelly Fish, que assim como as outras empresas do Grupo, que trazem a marca Tosi, tem um mercado próspero e crescente condizente com o seu desenvolvimento.